Cotado para PGR, Aras quer padrão Lava Jato para Estados e municípios

Cotado como um dos favoritos para assumir a Procuradoria-Geral da República em setembro, no lugar de Raquel Dodge, o subprocurador-geral Augusto Aras pretende, caso seja escolhido por Bolsonaro, aplicar o padrão Lava Jato de combate à corrupção em todo o Ministério Público, estendendo para Estados e municípios.

Aras, no entanto, admite que é preciso rever o uso das delações premiadas, que, segundo ele, se mostraram pouco efetivas e, para isso, sugere a criação de um “manual de boas práticas”, tanto para as delações quanto para as forças-tarefas.

Correndo por fora, já que não disputou a eleição da lista tríplice, Aras defende que o MP, por ser contramajoritário, não deve promover eleições para não correr os riscos da “politicagem”, como “o clientelismo, fisiologismo, toma lá, dá cá e eventualmente até a corrupção”. Aras defende ainda que o procurador-geral da República precisa estritamente cumprir as leis e a Constituição, não precisando ser “nem algoz, nem santo”.

O subprocurador-geral recebeu a reportagem da Record TV e do R7 Planaltoem sua residência em Brasília e concedeu a entrevista abaixo. Leia a íntegra:

O senhor tem figurado como nome importante para assumir a PGR, já existe um convite por parte do presidente Bolsonaro?

O presidente não fez convite oficial algum. Sequer informalmente me sugeriu algo. O presidente é um homem cauteloso, é um homem responsável, é um homem que tem buscado conhecer, assim eu penso, todos os candidatos. E foi assim que eu conversei com o presidente em quatro oportunidades. Permeado por conversas coloquiais, o presidente foi me perguntando como eu via o Ministério Público, quais eram as soluções que eu poderia aventar para os problemas do Ministério Público e, devo dizer, que foi muito gratificante falar dessa instituição à qual me dedico. Eu já poderia me aposentar, mas estou pronto para cumprir mais essa missão para com o País.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *