Coreia do Norte registra mais 8 mortes após surto de Covid-19

Coreia do Norte registrou oito novas mortes por “febre” nesta segunda-feira (16), depois de anunciar recentemente seus primeiros casos de Covid-19, enquanto mobilizava os militares para resolver problemas de “fornecimento de remédios”.

O ditador Kim Jong-un ordenou que a comissão militar atuasse “para estabilizar imediatamente o fornecimento de medicamentos na cidade de Pyongyang, envolvendo as forças poderosas do ramo médico do Exército Popular”, informou a agência oficial KCNA.

O surto, que Kim disse ter causado “grande reviravolta”, atinge um país que não possui vacinas contra a Covid-19, medicamentos antivirais nem capacidade de fazer testes em massa.

De acordo com a KCNA, Kim informou que “os pedidos não foram devidamente atendidos e os medicamentos não foram fornecidos às farmácias” no domingo, durante uma reunião de emergência do politburo nacional.

O ditador também indicou que as farmácias não haviam cumprido a ordem de funcionar 24 horas por dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *