PF investiga desvio de verbas em creche; diretora teria movimentado R$ 6,2 mi de forma suspeita

Policiais federais cumprem nesta quinta-feira (28) dois mandados de prisão preventiva contra acusados de desviar recursos públicos em uma creche localizada na Rocinha, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro. Os mandados da Operação Desfralde foram expedidos pela 1ª Vara Criminal do Rio de Janeiro e estão sendo cumpridos na própria comunidade.

Segundo a Polícia Federal, com base em informações repassadas pelo Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), as investigações iniciadas no ano passado constataram desvio de verbas do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) e do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *