Capitais abrem uma de cada três vagas com carteira assinada no primeiro semestre

As cidades mais importantes de cada estado acumulam mais de 450 mil admissões formais entre janeiro e junho, mostra o Caged

Lar de quase 25% da população brasileira, as capitais foram responsáveis por 33,8% do mais de 1,3 milhão de vagas formais abertas no primeiro trimestre, mostram números apresentados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho.

De acordo com os dados, as cidades mais importantes de cada estado realizaram 451.312 contratações com carteira assinada entre janeiro e junho, fruto de 3.953.127 admissões e 3.501.815 desligamentos no período. Com a evolução, as capitais ocupam todas as dez posições do ranking.

Na sequência, aparecem o Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), Curitiba (PR) e Belo Horizonte (MG), que geraram, respectivamente, 55.283, 29.072, 26.605 e 25.133 empregos celetistas em 2022. A soma é equivalente a mais 10,2% do total de postos abertos neste ano.

O top 10 do ranking de contratações traz ainda os municípios de Goiânia (GO), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Manaus (AM) e Recife (PR). Juntos, eles somam mais d

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *